Radar NGO

As principais notícias do cenário econômico comentadas por Sidnei Moura Nehme


  

BC aperfeiçoa a regulamentação cambial

"A assinatura digital é uma absoluta necessidade pós avanços a pandemia e que algumas empresas relutavam em aderir, mas atualmente fundamental."

O Banco Central aprovou nesta quinta-feira (17) duas alterações na regulamentação cambial. A primeira, que se refere ao uso de assinatura eletrônica em contratos de câmbio, deixa claro que os meios de coleta da manifestação das partes e os meios de comprovação de autoria e integridade do documento eletrônico podem ser livremente aco…

Leia mais

Dólar avança ante real acompanhando exterior, mas caminha para perda semanal

"A perspectiva do dólar no Brasil é com viés de queda para não tornar o IGP-M incontrolável visto que a inflação já está de volta firme e forte e só o Copom finge não ver!"

O dólar avançava em relação ao real nesta sexta-feira, impulsionado por movimentos de aversão a risco no exterior à medida que os investidores realizavam lucros ao final de uma semana positiva para ativos arriscados.

Enquanto isso, notícias de saltos nos casos de coronavírus nas principais economias colab…

Leia mais

Preço do algodão sobe no campo, mas indústria descarta alta expressiva ao consumidor e desabastecimento

"Câmbio alto mais alto que o razoável dá nisto. Inflação que só o Copom não vê!"

Acompanhando a alta de diversos produtos do campo, em especial os alimentos, o algodão se valorizou no campo nos últimos meses. A pluma, que é um dos principais itens da indústria de roupas, chegou a valorizar cerca de 20% no fim de agosto.

Isso gera preocupações de que, além da alimentação, as roupas fiquem mais caras. Em São Paulo, varejistas projetam que, com a baixa procura e a subida nos pr…

Leia mais

Copom mantém taxa Selic em 2% a.a.; sinaliza fim do atual ciclo de baixa

"O mercado com a perspectiva efetiva de mudança de viés da inflação tende a fazer o que o Copom evita e o curto prazo ser contaminado pelo longo prazo e as taxas de juros do mercado subirem, depois o Copom sanciona a reboque e não como protagonista."

O Comitê de Política Monetária (Copom) interrompeu, nesta quarta-feira, o super ciclo de afrouxamento monetário com a manutenção da taxa básica de juros em 2% ao ano. A decisão foi unânime e confirma a expectativa do mercado de…

Leia mais

Com alta nos alimentos, Copom quebra ciclo de cortes e mantém Selic em 2% ao ano

"Copom deveria ter sido protagonista e reconhecido pressão inflacionária presente, não o fazendo inevitavelmente mercado trará para o curto prazo taxas de médio/longo prazo dada percepção generalizada de inflação, e, então, o Copom na próxima reunião sanciona com obediência ao mercado elevação do juro."

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu, por unanimidade, manter a Selic, a taxa básica de juros da economia, em 2% ao ano. É a primeira vez, após nov…

Leia mais

Atacado segue em disparada e IGP-10 tem alta de 4,34% em setembro-FGV

"Inflação aquecida, desemprego persistente e recuperação da atividade fraca criam perspectivas desalentadoras."

Os preços do atacado continuaram pressionando e o Índice Geral de Preços-10 (IGP-10) passou a subir 4,34% em setembro, ante alta de 2,53% no mês anterior, de acordo com dados divulgados nesta quarta-feira pela Fundação Getulio Vargas (FGV).

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), que mede a variação dos preços no atacado e responde por 60% do índice geral, acel…

Leia mais

Mesa: (11) 3291-3260    |    Tel: (11) 3291-3266    |    Fax: (11) 3106-4920

Ouvidoria

0800 777 9504

ATENDIMENTO

de segunda a sexta-feira

das 09h00 às 18h00

ouvidoria@ngo.com.br

Acompanhe a NGO
ngo-icon b-facebook    ngo-icon c-twitter 

ngo-icon a-logo