Notícias

Números apontam queda na produção industrial e aceleração de preços

Números apontam queda na produção industrial e aceleração de preços

Por NGO

A produção industrial brasileira apresentou a sétima queda mensal seguida, recuando 0,7% em dezembro de 2015. Em relação ao mesmo período do ano anterior houve queda de 11,9%. Com esse resultado o declínio acumulado em 2015 foi de 8,3%, tornando-se o pior resultado da série, iniciada em 2003.

Confira os dados da Pesquisa realizada pelo IBGE, com o resultado mensal da produção industrial em 2015:

Janeiro 2,0%
Fevereiro -0,9%
Março -0,8%
Abril -1,2%
Maio 0,6%
Junho -0,3%
Julho -1,5%
Agosto -1,2%
Setembro -1,3%
Outubro -0,7%
Novembro -2,4%
Dezembro -0,7%

Em dezembro, 13 dos 24 ramos industriais pesquisados tiveram queda na produção, em relação a novembro. Dentre os destaques negativos estão: Produtos têxteis ( -9,1%), Máquinas e equipamentos: (-8,3%) e Bebidas (-8,4%).

Já a Fundação Getúlio Vargas, que pesquisa semanalmente o IPC-S, apontou aceleração de preços na última semana de janeiro. No geral, o indicador variou 1,78%, acima da taxa de 1,55% anotada na terceira semana do mês. Os  preços subiram em seis das sete capitais pesquisadas.

Dentre as variações mais acentuadas está a cidade de Salvador (2,06%) e a aceleração mais intensa aconteceu no Recife (0,52 ponto percentual).

 

Leia os Relatórios da FVG (PDF):

Sondagem da Indústria

Sondagem do Setor de Serviços

Compartilhar :
plugins premium WordPress