Dólar se mantém em alta e vai a R$ 3,83 nesta quarta

0
0
0
s2sdefault

Mercado está cauteloso diante das incertezas quanto às contas públicas, eleições em outubro e possibilidade de mais aumento na taxa de juros nos EUA.

O dólar abriu o pregão desta quarta-feira em alta. Às 11h11, a moeda americana apresentava valorização de 0,39%, cotada a 3,83 reais. Na véspera, fechou no  patamar de 3,81 reais, o maior em mais de dois anos, em meio à piora da avaliação os investidores sobre a cena política local e com o exterior pesando sobre os ati…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Dólar supera R$ 3,80 e liga alerta do BC, mas cenário deve piorar, alertam analistas

0
0
0
s2sdefault

Moeda foi ganhando força no fim da manhã desta terça e obrigou o Banco Central a anunciar um leilão extra de swaps, o que aliviou o mercado.

No início da tarde desta terça-feira (5), o Banco Central precisou anunciar uma intervenção extraordinária no câmbio após o dólar superar o patamar de R$ 3,80, mas mesmo assim, a tendência é que o cenário piore e a moeda continue pressionada daqui para frente.

Ganhando força junto com uma piora da bolsa, o dólar superou os R$ 3,80 por volta das 11…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Soja: Preços voltam a subir nos portos do Brasil com disparada do dólar nesta 3ª feira

0
0
0
s2sdefault

Os preços da soja no interior do Brasil acompanharam a estabilidade do mercado na Bolsa de Chicago e fecharam com pouca ou nenhuma movimentação nesta terça-feira (5) entre as principais praças de comercialização pesquisadas pelo Notícias Agrícolas. Mais uma vez, o destaque ficou por conta dos portos.

No terminal de Paranaguá, a soja disponível subiu 1,71% para R$ 89,00 por saca e 1,78% em Rio Grande, para R$ 86,00. Na referência março/19 no porto paranaense, alta de 0,57% para R$ 88,00…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

BC precisa mudar estratégia de intervenção para dólar não atingir patamares inimagináveis, diz analista

0
0
0
s2sdefault

"Tudo sugere que a sua estratégia de intervenção no câmbio está relativamente desfocada", avalia.

Após alguns pregões de mais "tranquilidade", o mercado cambial voltou a piorar nesta terça-feira (5), com o dólar disparando 1,7% e chegando aos R$ 3,81, seu maior patamar em mais de dois anos. O Banco Central tentou intervir de forma mais forte, mas não conseguiu mudar o rumo da moeda. E agora o mercado começa a pedir uma mudança de estratégia da autoridade.

"Embora disponha de instrument…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Dólar vai a R$ 3,81 e fecha no maior patamar em mais de dois anos; Bolsa cai 2,5%

0
0
0
s2sdefault

Real, assim como outras moedas emergentes, é atingido por fuga de capital.

O dólar disparou ante o real nesta terça-feira (5) e se valorizou também sobre importantes moedas emergentes, conforme ameaças comerciais entre Estados Unidos e seus parceiros se intensificam e mais dados fortes da economia americana reforçam a possibilidade de alta adicional nos juros por lá.

No cenário nacional, investidores observam ainda com temor o vaivém das notícias sobre o futuro da política de preços da…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault
Mesa: (11) 3291-3260    |    Tel: (11) 3291-3266    |    Fax: (11) 3106-4920

Ouvidoria

0800 777 9504

ATENDIMENTO

de segunda a sexta-feira

das 09h00 às 18h00

ouvidoria@ngo.com.br

Acompanhe a NGO
ngo-icon b-facebook    ngo-icon c-twitter 

ngo-icon a-logo