Dólar cai em relação ao real após BC reforçar atuação no câmbio

0
0
0
s2sdefault

Após 15 mil novos swaps cambiais, moeda americana já caía mais de 1%, abaixo do patamar de R$ 3,70.

A atuação mais intensa do Banco Central no mercado de câmbio a partir desta segunda-feira conseguiu interromper o movimento de escalada do dólar ante o real após seis dias seguidos, mas não significa que a trajetória de valorização foi interrompida em definitivo, segundo analistas consultados pela Reuters.

“Essa atuação apenas vai tirar a intensidade de valorização do…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Cenário-1: DI precifica aperto em setembro e dólar sobe no pós-Copom

0
0
0
s2sdefault

A manutenção da Selic ontem em 6,50% ao ano, contrariando as expectativas majoritárias de corte para 6,25%, estimulou uma reprecificação no mercado futuro de juros. Os investidores ampliam as apostas de início do próximo ciclo, de aperto monetário, em setembro. Tanto pela decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) quanto pela dinâmica do câmbio. E essas chances se tornaram majoritárias. Ao fim da manhã, as apostas de uma elevação da taxa básica no nono mês deste ano embutidas nos…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Com cenário externo e surpresa com Copom, Bolsa recua e dólar segue em alta

0
0
0
s2sdefault

Alta dos títulos americanos e ajustes nos preços com a manutenção da Selic fizeram dólar chegar a R$ 3,70 e Bolsa cair mais de 2%.

O dólar segue em alta no início desta tarde após a decisão do Copom de manter a Selic em 6,5% ao ano. Mais do que a própria decisão do Banco Central por aqui, a moeda segue fortalecida amparada na alta dos juros dos títulos americanos. Por volta das 13h40, a moeda passou a subir 0,76%, cotado a R$ 3,7035. Na máxima do dia, o dólar chegou a R$ 3,7130, com va…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Dólar junho retoma R$ 3,70 com cautela lá fora e aqui e saída de estrangeiros

0
0
0
s2sdefault

O dólar passou a subir ante o real e renovou máximas sequenciais na manhã desta quinta-feira, 17, até R$ 3,6969 (+0,58%) no mercado à vista de balcão. O ajuste acompanha a máxima dos dólar futuro de junho, aos R$ 3,7010 (+0,56%).

O economista e sócio-diretor da corretora NGO, Sidnei Nehme, diz que a manutenção da Selic não altera o viés de alta do dólar ante o real, que é sustentado por fatores externos e internos. “A desvalorização recente acumulada pelo real deveria ser menor que a m…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Pulso do mercado: Dólar junho retoma R$ 3,70 com cautela lá fora e aqui e saída de estrangeiros

0
0
0
s2sdefault

O dólar passou a subir ante o real e renovou máximas sequenciais há pouco até R$ 3,6969 (+0,58%) no mercado à vista de balcão. O ajuste acompanha a máxima dos dólar futuro de junho, aos R$ 3,7010 (+0,56%). O economista e sócio-diretor da corretora NGO, Sidnei Nehme, diz que a manutenção da Selic não altera o viés de alta do dólar ante o real, que é sustentado por fatores externos e internos. A desvalorização recente acumulada pelo real deveria ser menor que a média das perdas de moedas…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault
Mesa: (11) 3291-3260    |    Tel: (11) 3291-3266    |    Fax: (11) 3106-4920

Ouvidoria

0800 777 9504

ATENDIMENTO

de segunda a sexta-feira

das 09h00 às 18h00

ouvidoria@ngo.com.br

Acompanhe a NGO
ngo-icon b-facebook    ngo-icon c-twitter 

ngo-icon a-logo