Apesar de força de Bolsonaro, mercado aposta em ingresso firme de recursos apenas depois de 2º turno e reformas

0
0
0
s2sdefault

A possibilidade de Jair Bolsonaro (PSL) ganhar as eleições presidenciais no segundo turno não deve ser, por si só, motivo suficiente para um retorno forte de fluxo de recursos para o Brasil, avaliaram especialistas ouvidos pela Reuters.

Bolsonaro, com 46,03% no primeiro turno, diz que adotará reformas estruturais e cortes de gastos públicos, como desejado pelo mercado, mas investidores ainda mantém a cautela sobre o quanto dessa agenda liberal defendida pelo economista do candidato, Pa…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Comprar ou esperar? Para onde vai o dólar às vésperas das eleições

0
0
0
s2sdefault

Sobe e desce da moeda americana deve continuar até a definição do pleito eleitoral. Contudo, movimento é limitado.

Faltando dois dias para a realização do primeiro turno das eleições. o dólar deve continuar oscilando ante o real até a definição do pleito. Contudo, não deve se distanciar muito do nível atual, perto de 4 reais. É o que dizem analistas do mercado ouvidos por EXAME.

De acordo com Sidnei Nehme, da corretora NGO, com o cenário eleitoral mais delineado, mostrando a polarizaçã…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Euforia eleitoral faz bolsa de valores subir e o dólar fechar a R$ 3,89

0
0
0
s2sdefault

Bolsa de Valores de São Paulo avança 2,03%, ainda refletindo o crescimento de Jair Bolsonaro, do PSL, nas pesquisas. Moeda norte-americana recua para o nível mais baixo desde 14 de agosto. Alta de juros nos Estados Unidos, porém, pode segurar tendência.

A aposta na vitória do candidato do PSL, Jair Bolsonaro, na corrida à presidência, garantiu mais um dia de alta firme, ontem, na Bolsa de Valores de São Paulo (B3). Principal indicador do comportamento do pregão, o Ibovespa fechou em al…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Bolsonaro está mais próximo da vitória no 1º turno

0
0
0
s2sdefault

O mercado financeiro amanheceu nesta terça-feira (2) mais animado com a possibilidade de derrota do candidato do PT, Fernando Haddad, no segundo turno. O Ibope mostrou que Jair Bolsonaro (PSL) subiu de 38% a 42% e agora empata com o petista. Além disso, no primeiro turno, o deputado federal avançou de 27% para 31%, enquanto o seu principal concorrente ficou com 21%. Com o crescimento, a diferença entre ele e Haddad passa de 6 pontos percentuais (p.p.) para 10 p.p.

“Esta pesqu…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Bolsonaro está mais próximo da vitória no 1º turno, dizem analistas

0
0
0
s2sdefault

O mercado financeiro amanheceu nesta terça-feira (2) mais animado com a possibilidade de derrota do candidato do PT, Fernando Haddad, no segundo turno. O Ibope mostrou que Jair Bolsonaro (PSL) subiu de 38% a 42% e agora empata com o petista. Além disso, no primeiro turno, o deputado federal avançou de 27% para 31%, enquanto o seu principal concorrente ficou com 21%. Com o crescimento, a diferença entre ele e Haddad passa de 6 pontos percentuais (p.p.) para 10 p.p.

“Esta pesqu…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault
Mesa: (11) 3291-3260    |    Tel: (11) 3291-3266    |    Fax: (11) 3106-4920

Ouvidoria

0800 777 9504

ATENDIMENTO

de segunda a sexta-feira

das 09h00 às 18h00

ouvidoria@ngo.com.br

Acompanhe a NGO
ngo-icon b-facebook    ngo-icon c-twitter 

ngo-icon a-logo