NGO-CambioNews grd

Muitas conjecturas, inúmeras incertezas e um fato real brasileiro

Os mercados financeiros mundiais forçaram a percepção de uma tendência à manutenção do “status quo”, com a Grã Bretanha mantendo-se na União Europeia e tudo seguindo, mas não foi bem assim.

Consequências? Em principio muitas conjecturas sugerindo a instalação do caos no mercado global, com projeções absolutamente negativas, mas o que vai se revelando é que ninguém tem uma noção e não há consenso a respeito das consequências, até porque as mutações impulsionadas inicialmente pelo ímpeto…

Leia mais

Cenário não dá fundamentos para movimentos de apreciação no câmbio

Inegável que na medida em que ocorre depreciação do dólar frente ao real, o governo se beneficia visto que a taxa baixa reduz os encargos com os swaps cambiais e retiram impactos na dívida pública.

Mas por outro lado, retiram da economia o estimulo natural promovido por taxa cambial mais alinhada com a realidade do país.

É bem possível que estejamos vivenciando este quadro contrastante e interesse ao governo dispor de taxa cambial pontuando valorização excessiva do real frente ao dólar…

Leia mais

Incógnitas em torno do preço do dólar

Há inúmeros e relevantes vetores interagindo nos fundamentos da formação do preço da moeda estrangeira no Brasil.

Destacadamente ocorre a mitigação das incertezas e expressivos problemas que assolam a economia brasileira e que a fragilizam substantivamente, havendo um acentuado deslocamento das causas maiores da volatilidade para atribuição de causas externas, deixando transparecer um sentimento de predominância de “não querer ver as realidades atuais após momentos antecedentes de gran…

Leia mais

Incertezas em demasia fragilizam projeções

Ainda estamos em meados do 6º mês do ano e incertezas as mais diversas permeiam um cenário nebuloso de efetivas perspectivas, e este quadro torna muito frágeis as projeções que vem sendo propagadas.

Ademais, o tempo é o grande opositor do governo transitório que em termos concretos ainda não evoluiu, salvo nas manifestações de anseios que, contudo precisam ser transformados em propostas concretas viáveis.

A criação de um teto para os gastos públicos será proposta por uma PEC (Proposta…

Leia mais

Tendência ou conveniência momentânea valoriza o real?

O estado deletério da economia brasileira, com ênfase a sua política fiscal com projeções negativas soberbas para este ano e sem perspectivas de recuperação imediata, é do conhecimento geral, aqui e no exterior, e ontem mereceu uma precisa e contundente declaração do Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, de que vê a pior crise da história.

A observação de que observa sinais de retomada é muito mais de uma reação fundada mais na “esperança e anseio” dos setores produtivos da economia…

Leia mais

Mesa: (11) 3291-3260    |    Tel: (11) 3291-3266    |    Fax: (11) 3106-4920

Ouvidoria

0800 777 9504

ATENDIMENTO

de segunda a sexta-feira

das 09h00 às 18h00

ouvidoria@ngo.com.br

Acompanhe a NGO
ngo-icon b-facebook  ngo-icon d-rss  ngo-icon c-twitter 

ngo-icon a-logo