NGO-CambioNews grd

BC precisa sair do silêncio e informar que o país não tem risco de crise cambial!

0
0
0
s2sdefault

O Brasil atravessa uma expressiva crise econômica e não menor política e de insegurança jurídica, mas, por mais contraditório que possa parecer, está fora deste radar sua situação cambial que tem uma tranquilidade por não correr nenhum risco de crise cambial.

No cenário câmbio o país tem reservas cambiais robustas da ordem de US$ 380,0 Bi, e a autoridade monetária, o BC, tem instrumentos operacionais que se ancoram nestas reservas e que lhe permitem irrigar o mercado futuro com proteçã…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Fatores imponderáveis exacerbam preço do dólar e BC nada pode fazer para conter!

0
0
0
s2sdefault

As pesquisas trouxeram à baila a efetiva possibilidade do PT estar na disputa da Presidência, e isto ficou bastante evidente com a real possibilidade de migração dos votos que vêm sendo atribuídos ao ex-Presidente Lula, candidato improvável por questões legais, ao seu insinuado sucessor na postulação ao Poder Executivo maior do país.

Esta preocupação se fortalece na medida em que as candidaturas mais identificadas com o mercado financeiro brasileiro não evidenciam capacidade de recuper…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Eleição afeta o emocional/psicológico no preço do dólar e não cabe BC intervir!

0
0
0
s2sdefault

Temos destacado que os fatores externos têm, nesta fase pré-eleições, importância secundária no comportamento dos segmentos do nosso mercado financeiro, e que as efetivas causas da volatilidade e movimentos díspares em relação ao exterior decorrem do ambiente e fatores internos.

Dúvidas e incertezas que até então vinham sendo minimizadas pelos “players” do mercado, com raras exceções, se pontificam agora e causam perspectivas intranquilas, pois não otimizam possibilidades do país super…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

Cena externa é secundária. Nosso problema é o tripé econômico-político-jurídico!

0
0
0
s2sdefault

Houve até então, um esforço do mercado e de grande parte dos especialistas ligados ao mercado financeiro, incluindo-se neste contexto a mídia especializada, uma postura de evitar sancionar com maior rigor e acuidade os problemas intrínsecos do Brasil e potencializá-los nas perspectivas para este ano de 2018.

Já ao início do ano, antes mesmo da prisão do ex-Presidente Lula e depois, acentuamos sempre que o ambiente político prospectivo sinalizava forte acirramento em torno da sucessão p…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault

A Turquia é só um artifício. Brasil tem enormes problemas que passam a ter foco

0
0
0
s2sdefault

Sobejamente sabido que “abalos” oriundos de conflitos comerciais e geopolíticos podem afetar o humor em torno dos países emergentes, mas é verdade também, que há inúmeras diferenças entre estes países.

Vulnerabilidades diferem a capacidade de resistência destes países ante momentos adversos, e este é um aspecto relevante que deve ser observado com acurácia.

O Brasil tem um déficit em conta corrente de 0,7%, inflação projetada em torno de 4,2%, reservas cambiais da ordem de US$ 380,0 Bi…

Leia mais

0
0
0
s2sdefault
Mesa: (11) 3291-3260    |    Tel: (11) 3291-3266    |    Fax: (11) 3106-4920

Ouvidoria

0800 777 9504

ATENDIMENTO

de segunda a sexta-feira

das 09h00 às 18h00

ouvidoria@ngo.com.br

Acompanhe a NGO
ngo-icon b-facebook    ngo-icon c-twitter 

ngo-icon a-logo